Produtividade de infra-estruturas no sector das águas em debate amanhã

tratamento_SAPO

Portugal já investiu mais de €10.000 milhões em infra-estruturas de abastecimento de água e saneamento, de acordo com os dados provisórios do Relatório Anual dos Serviços de Águas e Resíduos em Portugal 2015, publicado pela ERSAR – Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos. No entanto, o mesmo estudo admite que quase metade dos operadores de infra-estruturas de abastecimento de água e saneamento em Portugal não conhece devidamente as infra-estruturas que opera e não aplica práticas que assegurem a sua sustentabilidade.

Para divulgar as boas práticas já existentes e partilhar experiências, a Aquasis promove amanhã, 6 de Maio, o seu IV Fórum, que tem como tema “Produtividade das Infra-estruturas – Conhecer para Gerir Melhor”, que se realizará no auditório principal do LNEC, em Lisboa.

O evento deverá reunir mais de 400 profissionais do sector das águas, contando ainda com a participação do Ministro do Ambiente, João Matos Fernandes, do especialista holandês em planeamento urbano e smart cities, Govert Geldof, e do Presidente da ERSAR, Orlando Borges.

Consulte o programa.

Em 2015, recorde-se, foi lançado um aviso no âmbito do POSEUR (Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos) para a elaboração do cadastro das infra-estruturas em baixa, num montante de financiamento previsto de €6 milhões, evidenciando a importância das tecnologias de informação como suporte para melhorar a produtividade das infra-estruturas pelas entidades gestoras.

A Aquasis, empresa do Grupo Águas de Portugal (AdP) responsável pelo desenvolvimento de tecnologias de informação de apoio à gestão do ciclo urbano da água, organiza anualmente, desde 2013, um fórum de partilha de experiências e divulgação de boas práticas. Este evento tem vindo a registar uma crescente adesão de participantes de entidades gestoras e empresas do sector de todo o país.

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta


Patrocinadores

css.php