Ammophila arenaria

Com o objectivo de sensibilizar a comunidade local para a necessidade de conservação dos sistemas dunares, a Quercus vai contar com a ajuda de voluntários para fazer a plantação de espécies vegetais adaptadas ao ambiente dunar. O objectivo é aumentar a retenção de areias e mitigar a erosão na praia de Costa de Lavos.

Nos últimos anos, a praia de Costa de Lavos tem sido alvo de vários episódios erosivos acentuados, caso das tempestades do início de 2014, com imenso impacto em toda a zona costeira a sul da Figueira da Foz.

A plantação será efectuada com estorno (Ammophila arenaria), planta autóctone especialmente adequada ao objectivo pretendido. Esta planta, uma das primeiras a colonizar as dunas primárias formadas pela acção do vento, contribui com as suas raízes para a estabilização das areias e para o estabelecimento de outras espécies pioneiras.

Com o aval da Agência Portuguesa do Ambiente e numa parceria da Quercus com a associação Grace serão plantadas mais de 1200 pés desta espécie, que ficarão depois sob monitorização. A comunidade local está igualmente envolvida, com a Casa dos Pescadores a dar também todo o apoio a esta actividade.

Foto: Matt Lavin / Crative Commons

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta