os sapatos sem pegada de CO2

A ciência e a tecnologia estão sempre a surpreender-nos. Na busca de novas formas de controlar as emissões de CO2 para a atmosfera, a mais recente descoberta indica que é possível transformar o dióxido de carbono numa espécie de espuma que poderá servir, entre outras coisas, para a produção de sapatilhas.

Foi isto que fez a empresa americana NRG Energy e o conceito tem pés para andar. Com o nome de Shoe Without a Footprint’ (sapato sem pegada de carbono), o protótipo foi construído para participar na Carbon XPrize Competition, que visa premiar a melhor iniciativa de neutralização de CO2.

Marcel Botha, CEO da 10xBeta, empresa que desenvolveu o protótipo, disse à Business Insider que a espuma de CO2 representa aproximadamente 75% das sapatilhas. Os restantes materiais utilizados no seu fabrico não são feitos a partir de CO2 reciclado, mas as emissões libertadas durante o processo podem ser reaproveitadas da mesma forma que é recolhido o dióxido de carbono utilizado para fazer os sapatos.

A boa notícia? O que antes era poluição, pode agora ser transformado em matéria-prima para produtos do dia-a-dia.

 

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta