Tesla anunciou autonomia total para todos os carros

tesla

Não serão apenas linhas específicas a ser equipadas com sistemas que permitem a autonomização total. A Tesla vai produzir de agora em diante todos os seus carros de acordo com esse modelo. Porque o futuro – acredita a construtora – será assim.

Os incidentes relacionados com a introdução do piloto automático nos Tesla não assustaram Elon Musk, pelo contrário. Convicto de que os carros sem condutor serão mais seguros do que os que estão sujeitos a erros humanos, o CEO da construtora anunciou esta semana a total autonomia de todos os seus carros.

Esta estratégia, informou a marca, é para ser concretizada no imediato, pelo que os modelos que a Tesla está agora a produzir – o Model S, Model X e o novo Model 3, que chegará ao mercado entre o final do próximo ano e o início de 2018 – terão o hardware necessário para que o condutor não tenha de tocar no volante.

De resto, quem quiser encomendar um Model S ou Model X 100% autónomos já pode fazê-lo, embora numa fase inicial o sistema não permita uma condução sem intervenção humana a 100%. Apesar de estarem equipados para isso, os carros só poderão funcionar sem condutor depois de os reguladores darem luz verde. Até lá a Tesla terá de prosseguir com testes, usando “milhões de quilómetros de condução no mundo real, para assegurar melhorias significativas à segurança e conveniência.”

Optimista, relativamente à sua aposta, a construtora acredita que “os carros autónomos terão um papel crucial na melhoria da segurança dos transportes e aceleração na transição do mundo para um futuro sustentável”. A marca defende também que “a total autonomia permitirá a qualquer Tesla ser substancialmente mais seguro do que um condutor humano, baixar o custo financeiro dos transportes para quem tem um carro e oferecer mobilidade on-demand de baixo custo para quem não tem.”

Foto: Tesla 

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta


Patrocinadores

css.php