De porta-aviões soviético a hotel de luxo na China

Porta-aviões transformado em hotel de luxo

Em 2000, a China adquiriu  o porta-aviões Kiev, uma das jóias da marinha soviética dos anos 1980. Desde então, a embarcação tem estado nos estaleiros a sofrer grandes renovações. Porém, a compra deste navio de guerra não foi para fins militares,mas sim turísticos, já que a embarcação foi transformada num luxuoso hotel.

A compra foi feita pela Tianjin International Recreation Port, que transformou o antigo porta-aviões num hotel flutuante com 148 quartos – incluindo duas suites presidenciais, três suites VIP e 137 quartos. Adicionalmente, o Kiev foi também equipado com um restaurante de primeira classe. O renovado Kiev não vai servir, porém, de cruzeiro, pois ficará ancorado no porto, servindo como jotel de luxo.

O Kiev iniciou o seu serviço na marinha soviética em Dezembro de 1972, tendo sido incorporado na Frota Soviética do Norte. Nos tempos áureos, o Kiev tinha capacidade para lançar 30 bombardeiros.

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta


Patrocinadores

css.php