Fintan Magee, o Banksy down under

A arte urbana, durante tantos anos e décadas desvalorizada, entrou finalmente no goto dos cidadãos e autarcas, sendo Lisboa uma das cidades globais onde esta realidade é mais visível. O britânico Banksy é, provavelmente o artista urbano mais conhecido em todo o mundo, ainda que ostente ainda uma certa aura de mistério.

Para contrabalançar, porém, o artista australiano Fintan Magee – considerado o Banksy down under – dá a cara e pode ser reconhecido pelas suas obras monumentais. Magee inspira-se nas ilusões de óptica para transmitir as suas mensagens sociais – mas não políticas – e humor, como podemos ver nesta peça desenvolvida em Bruxelas, na Bélgica, onde podemos pensar estarmos a ser pisados por um gigante com um estranho tijolo às costas.

Denominada “Moving the Pointless Monument” – mover o monumento sem sentido, em português – a obra foi executada numa pilha de caixas de transporte marítimo. De vários ângulos, porém, a obra parece uma vegetação sem sentido, constituída por várias partes de corpos. No entanto, vista do sentido correcto, as peças unem-se e ganham forma. Veja alguns dos trabalhos anteriores do Banksy australiano.

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta