Lagoa Azul, paraíso de poderes regenerativos na Islândia

Lagoa Azul, paraíso de poderes regenerativos na Islândia

A Islândia é um país fascinante em vários aspectos e a sua Lagoa Azul com poderes regenerativos não é excepção. O nome deriva da surpreendente cor azul que apresenta e as águas que a alimentam provêm do escoamento de uma central geotérmica localizada nas redondezas.

Estas águas possuem características regenerativas e funcionam como uma espécie de termas, com temperaturas entre os 37 e 40 graus Celsius durante todo o ano, atraindo milhões de pessoas anualmente.

O azul luminoso da lagoa deve-se às elevadas concentrações de sílica, algas e minerais. Embora a água em si seja de uma tonalidade branca leitosa, a sílica reflecte a luz solar e as algas adicionam um pouco de pigmento verde. No final, o resultado é um azul luminoso.

Apesar de as outras lagoas geotérmicas da Islândia serem também ricas em minerais, apenas o rácio de minerais encontrado na Lagoa Azul possui características regenerativas, ideais para pessoas com problemas de pele, como os eczemas e a psoríase.

Em plano de fundo da lagoa existe a central geotérmica. Ao aproveitar este tipo de energia para gerar electricidade, a Islândia conseguiu reduzir o consumo de combustíveis fósseis. Em 2011, cerca de 66% da energia produzida na Islândia provinha de recursos geotermais.

Fotos: via Creative Commons 

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta


Patrocinadores

css.php