Dukha, uma comunidade perdida nas profundezas da Mongólia

O fotógrafo Hamid Sardar-Afkhami visitou na Mongólia a tribo Dukha, uma comunidade perdida nas profundezas da região. Desta expedição resultou esta espantosa foto-reportagem.

A globalização tem reduzido consideravelmente as possibilidades de manter intocadas pelo mundo mesmo as culturas dos lugares mais distantes. É por isso que a tribo Dukha, na Mongólia, se revela tão fascinante aos olhos dos poucos que a visitam.

Esta tribo nómada circula pela Mongólia há séculos. Desenvolveu com os animais autóctones uma relação muito especial, baseada na crença de que existe um contacto espiritual com todos os seres vivos. Actualmente existem apenas 44 famílias Dukha, o que corresponde a uma comunidade de 200 a 400 pessoas.

O fotógrafo Hamid Sardar-Afkhami registou o seu estilo de vida em imagens que falam por si.

Fotos: Hamid Sardar-Afkhami

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta