Onde é que me sento?

Com mil habitantes, a vila de Krumbach, na Áustria, não é propriamente a meca do turismo mundial. No entanto, esta pequena comunidade conseguiu chamar a atenção dos media globais com um projecto que tem tanto de criativo como de simples.

Há alguns anos, a associação cultural da vila abordou sete arquitectos internacionais com um briefing pouco habitual: “desenhem uma paragem de autocarro e pagamos-vos umas férias gratuitas em Krumbach”.

Todos os arquitectos aceitaram a proposta e, no Verão de 2013, a construção começou. Os arquitectos internacionais – Sou Fujimoto (Japão), Wang Shu (China), Rintala Eggertsson (Noruega), Ensamble Studio (Espanha), Smiljan Radic (Chile), Architecten de Vylder Vinck Taillieu (Bélgica) e Alexander Brodsky (Rússia) – colaboraram com mais de 200 designers locais e as estruturas são hoje uma realidade.

Todas as paragens são únicas e criativas já que era esse o propósito do projecto. No início de Maio desse ano, finalmente, o projecto foi inaugurado e, desde então Krumbach tornou-se uma sensação nos sites de arquitectura e turismo.

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta