plantacao

Até 2020 o governo irá disponibilizar cerca de 155 milhões de euros para o Programa de Desenvolvimento Rural(PDR2020), juntando-se este montante à contrapartida nacional, num total de 4.329 milhões de euros a serem usados no desenvolvimento da agricultura nacional.

Publicado no Diário da República na passada sexta-feira, a resolução do Conselho de Ministros defende que foi necessário este acréscimo monetário, graças à “situação financeira em que o PDR2020 se encontra”.

Segundo o diploma, os compromissos assumidos são “muito elevados face aos montantes de programação iniciais (…) traduzindo uma gestão, ao longo dos anos de 2014 e de 2015, pouco prudente, que só no âmbito das medidas agroambientais originou uma ultrapassagem que se estima superior a duas centenas de milhões de euros da dotação total programada”.

Em comunicado o Ministério da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural esclarece que Bruxelas já foi avisado das alterações do PDR2020. Entre as mudanças inclui-se o aumento de 25 mil para 40 mil euros do montante máximo para projectos de investimento de pequenos agricultores, bem como o aumento de 15 mil para 20 mil euros do prémio à primeira instalação dos jovens agricultores, com compensação nos valores mais elevados, para garantir a neutralidade financeira.

Outra das novidades deste programa é o facto de ir ser dada prioridade aos jovens agricultores que queiram avançar para a actividade agrícola como ocupação principal.

Foto: Jardel Leite / via Creative Commons

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta