França: matadouros obrigados a ter câmaras de vigilância

matadouro

“O objectivo desta projecto-lei é a protecção dos animais”. A frase faz parte da proposta de lei apresentada pelos deputados franceses, que defende a obrigatoriedade de instalação de câmaras de vigilância nos matadouros franceses. Após aprovação no passado dia 12 de Janeiro, a medida entrará em vigor a partir de Janeiro de 2018.

Apresentado ao parlamento francês pelo deputado Olivier Falorni, a medida surge depois de uma associação de defesa de animais, a L214, ter tornado públicas imagens impressionantes onde os maus-tratos a animais presos em matadouros eram prática comum.

Com 28 votos a favor e 4 contra, este projecto-lei obrigará os matadouros a estarem equipados com “câmaras em todos os locais de transporte, acomodação, imobilização, atordoamento, abate e occisão dos animais”. A iniciativa é vista igualmente como um importante ponto de viragem neste sector, tantas vezes alvo de duras críticas.

As imagens captadas por este sistema de videovigilância ficarão à disposição dos serviços veterinários oficiais aproximadamente por um período de um mês. Paralelamente, o projecto-lei agora conhecido propõe ainda o agravamento das penas para casos de maus-tratos a animais.

O próximo passo desta iniciativa passa pela apreciação e votação no senado francês, etapa que deverá ter lugar no início do mês de Março.

Foto: via Creative Commons

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta


Patrocinadores

css.php