Tailândia: “ilha de lixo” cada vez mais perto de praias paradisíacas

tailândia, paraíso em risco?

Dentro de pouco tempo, os mergulhos nas praias paradisíacas da Tailândia podem estar perigosamente postos em causa. Em vez de um mar transparente onde apetece nadar durante horas, a água outrora límpida estará rodeada por um enorme monte de lixo, onde o plástico domina o cenário. Isto porque uma enorme “ilha de lixo” com cerca de 10 quilómetros aproxima-se a grande velocidade da região de Koh Talu, conhecido destino turístico tailandês.

Foi há aproximadamente uma semana que um pescador local descobriu um massivo monte de lixo a boiar em águas tailandesas. As impressionantes imagens foram prontamente partilhadas nas redes sociais por este pescador, e estão a deixar as autoridades locais e as associações ambientais preocupadas com a dimensão deste enorme flagelo ambiental.

Segundo a imprensa local, este massivo monte de lixo é constituído principalmente por detritos plásticos. Na grande maioria são restos de produtos do nosso dia-a-dia, como sacos de plástico, garrafas de sumo, entre tantos outros resíduos altamente prejudiciais para a biodiversidade local.

Um plano de recolha desta imensa “ilha de lixo” está já a ser preparado pelas autoridades marítimas locais, com uma investigação para descobrir a origem destes resíduos agendada para os próximos dias. Uma das hipóteses avançada por especialistas para a origem desta quantidade de lixo prende-se com as intensas inundações que afectaram o país no inicio de Janeiro.

Actualmente a Tailândia enfrenta um grave problema com os resíduos produzidos na região, e na forma pouco eficaz como faz a recolha e reciclagem do seu lixo. A situação é especialmente preocupante nas zonas em redor dos resorts.

 Foto: Department of Marine and Coastal Resources / via Bangkok News 

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta


Patrocinadores

css.php