Diz-me o que tens no frigorifico, dir-te-ei quem és

O interior dos frigoríficos de 10 pessoas normais

Durante três anos, Mark Menjivar fotografou os frigoríficos de 60 pessoas a viver em 20 comunidades norte-americanas. O seu objectivo era espreitar um pouco para a vida destas pessoas e perceber qual o elo de ligação que se estabelece entre o individuo e a sua alimentação e, como de facto, isso diz tanto sobre o que somos e como escolhemos viver o nosso dia-a-dia.

“Quanto mais tempo passava a ouvir as histórias das pessoas, mais pensava na comida que consumimos e os efeitos que esta tem em nós, enquanto indivíduos, e na nossa comunidade”. ” Estes são retratos de ricos e pobres. Vegetarianos, republicanos, membros da NRA (National Rifle Association, uma associação norte-americana pró-armas), pessoas que foram deixadas para trás, sonhadores”, continuou.

No trabalho deste fotógrafo não há espaço para grandes artifícios. Todos os frigoríficos foram retractados de forma crua: Mark chegava à cozinha dos participantes no projecto, abria o frigorifico e tirava fotos. Nenhum alimento era adicionado ou retirado para embelezar a imagem. Antes pelo contrário, o objectivo era conseguir captar a realidade desta pessoa da forma mais verdadeira.

Conheça as algumas das histórias dos proprietários destes frigoríficos, e descubra mais sobre este projecto tão singular.

1.Frigorífico de um cozinheiro de Marathon, Texas, que, por alguma razão, tem uma cobra morta lá dentro.

2.Este frigorífico pertence a um distribuidor de publicidade de San Antonion, Texas, que vive com €310 (R$ 980) por mês.

3.Frigorífico de um antigo proprietário de um parque de diversões em Alpine, Texas, um ex-prisioneiro de guerra da Segunda Guerra Mundial.

4.O interior de um frigorífico de um empregado de bar que se deita às 8h e levanta às 16h está cheio de embalagens de comida de trazer para casa.

5.O frigorífico de um realizador de documentários de San Diego, na Califórnia, cujo trabalho ajudou a enviar milhões de euros para crianças desfavorecidas no Uganda.

6.O frigorífico deste carpinteiro/fotógrafo está cheio de carne de veado, morto numa propriedade da família, no Texas.

7.Este é o frigorífico de uma família de San Angelo, Texas, cujo pai é trabalhador de construção civil, a mãe é dona de casa e acorda todos os dias às 4h para fazer o pequeno-almoço para a família.

8.Este é o frigorífico de um botânico de Fort Wayne, que vive sozinho.

9.Frigorífico de uma artista de Brooklyn, Nova Iorque, proprietária de uma padaria vegan.

10.Uma professora de ciências do ensino básico tinha passado a consumir apenas produtos locais há uma semana quando a foto foi tirada.

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta


Patrocinadores

css.php