maus tratos animais

767: é este o número de crimes por maus-tratos contra animais de companhia registados pela GNR em 2016. Quando em comparação com os dados de 2015, nota-se um aumento de casos no ano passado, com mais de cem novas ocorrências a lamentar. Quanto às queixas por maus-tratos, no ano que passou houve 3.694 denúncias de maus-tratos, menos 116 do que em 2015.

Através do Serviço de Protecção da Natureza e do Ambiente (SEPNA), a GNR indica que no ano passado houve 767 crimes contra animais de companhia no nosso país, mais 112 do que em 2015. Este aumento pode ser traduzido numa média de dois casos de abuso contra animais por dia.

O maior número de denuncias registou-se em Lisboa (591), seguido da região de Setúbal (556), com Porto (471), Aveiro (291) e Faro (240). Nas ilhas, a Madeira teve 186 denúncias e os Açores 195. Ao longo do ano, Março foi o mês com mais denuncias registadas com 374 casos, seguido de Fevereiro com 366 casos, com Janeiro a registar 361 crimes e Maio a ter 351 ocorrências.

Com entrada em vigor a 1 de Outubro de 2014, a lei que criminaliza os maus-tratos a animais tem como consequência a pena de prisão até um ano ou uma pena de multa que pode chegar aos 120 dias para “quem sem motivo legítimo, infligir dor, sofrimento ou quaisquer outros maus-tratos físicos a um animal de companhia.”

O serviço de Protecção da Natureza e do Ambiente (SEPNA) tem à sua responsabilidade a fiscalização às denúncias de crimes contra maus-tratos a animais de companhia. Também a linha SOS Ambiente e Território, através do número 808200520, poderá ser uma importante ajuda para quem quiser denunciar casos de abusos a animais de companhia.

Foto: Claudia D. Lang Photography / via Creative Commons

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta