Hora do Planeta 2017: ficar às escuras por uma boa causa

hora planeta

A Hora do Planeta 2017 acontece já no próximo dia 25 de Março, sábado, entre as 20:30 e as 21:30, hora local. Esta é uma iniciativa ambiental global promovida pela WWF. Indivíduos, empresas, governos e comunidades são convidados a desligarem as luzes durante uma hora para mostrarem o seu apoio a uma actuação mais sustentável.

Como uma das primeiras iniciativas promovidas para sensibilizar a sociedade para a questão das alterações climáticas, a Hora do Planeta cresceu de um evento simbólico numa única cidade (Sidney, na Austrália, em Março de 2007) para o maior movimento mundial em defesa do ambiente.

Em 2016, a Hora do Planeta chegou a mais de 9.000 cidades e vilas em 178 países e territórios. Em Portugal, foram 110 os municípios a aderir à iniciativa e centenas de monumentos emblemáticos nacionais ficaram às escuras, como a Ponte 25 de Abril, o Mosteiro dos Jerónimos, o Castelo de S. Jorge, o Cristo Rei, o Palácio Nacional da Pena, o Palácio de Monserrate ou o Convento de Cristo.

Além do “apagão” nos monumentos históricos, todos nós podemos aderir à iniciativa se desligarmos as luzes nas suas casas durante uma hora, lembra o portal Protege o que é bom.

A Hora do Planeta começou a ser celebrada em Portugal em 2008, com a adesão de 11 municípios. Em 2016, um terço das autarquias nacionais participaram na iniciativa e diversos municípios, além de apagarem as luzes dos seus monumentos, promovem diversas iniciativas locais de sensibilização. Em Lisboa, por exemplo, este ano, a Hora do Planeta vai ser celebrada com um concerto à luz das velas, no Parque Eduardo VII. Os bilhetes têm um custo de 10 euros.

Foto: via Creative Commons

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta


Patrocinadores

css.php