Portugal e Brasil vão discutir redução de sacos de plástico no retalho

Portugal e Brasil vão discutir redução de sacos de plástico no retalho

A Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED) e a Associação Catarinense de Supermercados (ACATS) assinaram um protocolo de cooperação institucional que visa a troca de experiências e cooperação técnica. O objectivo é atingir as melhores práticas na área da distribuição.

Conheça melhor a APED e a ACATS.

De acordo com a imprensa portuguesa, o protocolo entre a APED e a ACATS incide, sobretudo, em questões relacionadas com a utilização e redução de consumo de sacos de plástico no retalho, a prevenção de quebras nos produtos e as relações laborais, de recursos humanos e de sustentabilidade.

“Apesar de Portugal já ter um sector da distribuição ao nível do melhor que existe no mundo, é sempre importante receber contributos do que está a acontecer a nível internacional e trocar experiências com quem actua nesta área. É esse o objectivo deste acordo, que permite ainda mostrar que a distribuição portuguesa tem muito para exportar, em termos de boas práticas e bons desempenhos”, explicou o presidente da APED, Luís Reis.

O protocolo é válido por um ano, salvaguarda as especificidades legais de cada país e pode ser estendido a outras áreas de interesse de ambas as partes.

Segundo com o site da ACATS, a associação – que faz parte da Associação Brasileira de Supermercados (Abras) -, abraçou no passado mês de Novembro uma iniciativa para promover o consumo responsável de sacos de plástico.

A iniciativa visa mostrar a importância da preservação do meio ambiente mediante o consumo responsável dos sacos de plástico, “no sentido de eliminar o seu desperdício”.

O programa já foi implementado, em Dezembro de 2007 noutras regiões do Brasil, tendo já conseguido que, até ao final do ano passado, 3,9 mil milhões de sacos de plástico tivessem sido deixados de ser consumidos naquele País.

Recorde-se que também a APED lançou, recentemente, um saco feito a partir de garrafas recicladas.

Comentários (Facebook):

Patrocinadores

css.php