EUA: Austin bane sacos de plástico e de papel descartáveis em 2013

EUA: Austin bane sacos de plástico e de papel descartáveis em 2013

A cidade de Austin, capital do Texas, Estados Unidos, vai acabar com os sacos plásticos e sacos de papel descartáveis em Março de 2013, de acordo com a própria autarquia. Estes sacos serão proibidos para todos os retalhistas, que poderão apenas vender ou distribuir sacos feitos de tecido, materiais duráveis ou sacos de plástico mais densos e com asas.

Esta proibição tem algumas excepções, segundo a cidade. Os sacos plástico para jornais continuam a ser válidos, assim como os que são utilizados para levar a comida take away.

Também as instituições de solidariedade social que distribuem comida ou outro tipo de assistência em sacos plásticos podem continuar a fazê-lo calmamente.

Esta proibição, porém, não foi consensual. A Texas Retailers Association disse m que esta proibição iria afectar negativamente o negócio e as vendas dos seus associados. A cidade de Austin anunciou ainda um investimento de €1,5 milhões (R$3,7 milhões) em comunicação para educar os seus cidadãos para esta nova realidade.

Recorde-se que, desde Janeiro, 80% dos supermercados de São Paulo, Brasil, deixaram de fornecer sacos de plástico aos seus clientes, uma decisão conjunta da Associação Paulista dos Supermercados (Apas) e do Governo do Estado de São Paulo. Este acordo evitou que fosse aprovada uma lei com o mesmo objectivo: a proibição de sacos plásticos descartáveis.

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php