Otto vende €230 mil (R$565 mil) em ecopontos para o Alentejo

A Otto anunciou o fornecimento de 550 unidades de ecopontos de recolha selectiva Cyclae à Ambilital, empresa municipal de investimentos ambientais no Alentejo. O contrato está avaliado em €230 mil (R$565 mil).

Segundo explica a Otto, esta gama de ecopontos tem como pontos fortes a mobilidade, versatilidade, durabilidade e as suas características ligadas ao anti-vandalismo. A Cyclea faz parte do portfólio da Otto desde 2007 e já vendeu 100 mil unidades.

“A gama de recolha selectiva Cyclea harmoniza num ecoponto as necessidades práticas e estéticas do espaço comum em que vivemos. Esta é a resposta eficaz às crescentes exigências actuais de versatilidade acompanhando a par e passo as tendências actuais no mobiliário urbano”, explica a marca em comunicado.

Os contentores possuem 120 litros de capacidade e destinam-se sobretudo aos estabelecimentos do sector hoteleiro e restauração, principais produtores de resíduos de vidro.

No Cycela é incorporada uma estrutura metálica que possui uma boca standard, para o utilizador comum, e uma boca industrial adicional que só é utilizada por pessoas a quem lhes tenha sido facultado chave. Abaixo da boca é colocado o sistema de volteio.

A operação de deposição do vidro é simples: abre-se a boca industrial, o contentor de 120 litros é acoplado ao sistema e, com pouco esforço por parte do utilizador, o contentor é elevado e rapidamente despejado para o interior do ecoponto. Este sistema reduz significativamente a operação, não comprometendo a segurança dos utilizadores.

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php