Singapura vai tornar-se na capital mundial da botânica (com FOTOS)

Singapura vai tornar-se na capital mundial da botânica (com FOTOS)

A cidade de Singapura inaugura na sexta-feira um gigantesco jardim vertical, com árvores movidas a energia solar – já lá vamos… – e que vai abrigar plantas de todos os lugares do planeta. Este jardim, que une arte, beleza, natureza e tecnologia, é uma das acções de Singapura para se tornar na capital mundial da botânica.

Denominado Gardens By the Bay, o novo centro de eco-turismo vai dividir-se em áreas de fauna e flora de diversos países, lagos e até um conjunto de 12 gigantescas árvores artificiais – até 50 metros – que irão funcionar como jardim vertical.

Espalhadas pelo parque, as árvores terão sistemas de ventilação de ar para estufas próximas, aproveitamento da água das chuvas e painéis fotovoltaicos. A energia solar gerada garante a iluminação das árvores à noite, o que funciona sempre bem para o turismo.

Quem visitar o Gardens By the Bay poderá ainda percorrer toda a paisagem à altura das estruturas, que estão ligadas por passadeiras. A cidade-estado asiática, recorde-se, é conhecida já pelo seu excelente planeamento urbano, pela segurança, funcionalidade e limpeza das ruas.

Apesar de o investimento ser bastante elevado – €280 milhões (R$720 milhões) -, o projecto da Grant Associates promete ser um marco na sustentabilidade e turismo de Singapura.

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php