Ford pesquisa carro movido a energia solar para uso diário

Se os carros eléctricos são más notícias para a indústria petrolífera, os carros a energia solar são ainda piores. Porém, são boas óptimas notícias para o meio ambiente e para os condutores, que podem poupar centenas de euros em combustível. E foi a Ford a construtora pioneira a mostrar ao mundo que é possível construir carros movidos a energia solar.

A marca norte-americana está a desenvolver uma versão teste do C-Max Solar Energi Concept, uma versão do C-Max híbrido alimentada a energia solar. Esta versão ainda mais amiga do ambiente está equipada com um tejadilho de 1,5 metros quadrados de painéis fotovoltaicos que alimentam a bateria de iões de lítio do carro.

A Ford estima que a bateria do carro demore seis a sete horas para estar completamente carregada e tem um alcance de 33,8 quilómetros. Mesmo sendo um modelo movido a energia solar, o carro está equipado com um motor que também pode ser alimentado com gasolina que é accionado quando a bateria alimentada a energia solar se esgota.

Segundo o director de infra-estruturas da construtora, Mike Tinskey, a marca vai passar 2014 a testar o conceito para perceber se pode funcionar numa produção a larga escala, refere o Quartz.

O C-Max Solar Energi Concept resulta de uma colaboração entre a Ford, a SunPower e o Georgia Institute of Technology. O novo modelo deverá ser apresentado na próxima semana no Consumer Electronics Show em Las Vegas. Tal como muitos modelos de teste, esta versão solar do C-Max pode nunca ser produzida a uma escala comercial.

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php