OMS declara emergência internacional por aumento de casos de pólio

OMS declara emergência internacional por aumento de casos de pólio

O aumento de casos de pólio nos últimos seis meses, em mais de 10 países, levou a Organização Mundial de Sáude a decretar hoje de manhã uma emergência de saúde mundial. A decisão foi tomada após uma semana de discussões no Comité de Emergência da OMS, formado por especialistas.

Segundo Bruce Aylward, director-geral adjunto da OMS, estes especialista recomendaram decretar o estado de emergência porque os casos representam uma ameaça para os restantes países do mundo.

A OMS está a recomendar a todos os cidadãos dos países onde o vírus é prevalente, incluindo o Paquistão e a Síria, a vacinarem-se antes de viajar. “Todas as condições para uma emergência de saúde pública internacional foram atingidas”, explicou Bruce Aylward.

Esta medida foi considerada por Bruce como um “evento extraordinário”. Leia 10 factos importantes sobre a pólio.

A pólio ressurgiu na Síria em 2013, pela primeira vez em 14 anos, gerando temores de uma proliferação internacional e levando a uma vasta campanha regional de vacinação de emergência.

O vírus invade o sistema nervoso e pode causar paralisia irreversível em poucas horas. A OMS tem alertado repetidamente que, enquanto uma criança permanecer infectada com poliomielite em qualquer lugar, todas as crianças estão em risco.

Não existe cura para a doença, mas ela pode ser prevenida por vacinação. A vacina contra a poliomielite, administrada várias vezes, pode proteger uma criança para a vida.

Entre Janeiro e Abril de 2014, no que é geralmente uma época de baixa transmissão da poliomielite, três novos casos do vírus ocorreram — do Paquistão ao Afeganistão, da Síria para o Iraque e dos Camarões para a Guiné Equatorial.

Foto:  RIBI Image Library / Creative Commons

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php