Como transformar uma praça escura e insegura numa lounge ao ar livre?

Regeneração urbana em Louven

Situada numa zona industrial há muito desactivada – Vaartkom -, rodeada por anéis rodoviários mas a uma curta distância pedonal do centro histórico de Leuven – ou Lovaina, em português –, a praça Engels Plein foi, durante anos, um empecilho abandonado da cidade belga.

Em 2010, um concurso promovido pelo município escolheu a empresa de arquitectura paisagista e design urbano West 8 para renovar o local e chamar mais pessoas, em segurança, para aquela parte da cidade. Então, o ateliê começou a implementar a sua visão, baseada na mudança da estrada ali existente para debaixo do viaduto e transformar o espaço em decadência numa zona verde.

Hoje, avança o Inhabitat, a Engels Plein é um centro urbano vibrante que combina casas, escritórios e uma espécie de lounge ao ar livre. Os espaços foram dinamizados em colaboração com a Snoeck en Partners, Dirk Jaspaert, da BAS, ERM, Betonac e Tritel. Sediado em Roterdão, o West 8 inspirou-se no passado industrial da área e criou uma espécie de esplanada com vários terraços e espaços verdes que reintroduz a usabilidade do local pelos cidadãos.

Os carros não podem circular na praça, que já tem 65 árvores, algumas das quais com 15 metros. O espaço foi inaugurado no mês passado e já é considerado um marco na renovação urbano e crescimento daquela zona – em tempos – perigosa.

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php