Mais de metade do plástico enviado para os oceanos provém de cinco países

plastico_SAPO

China, Indonésia, Filipinas, Tailândia e Vietname. Estes cinco países são responsáveis por mais de metade do plástico que é enviado anualmente para os oceanos do planeta, de acordo com um relatório da Ocean Conservancy e do McKinsey Center for Business and Environment.

O estudo afirma que uma redução de 65% da quantidade de plástico que estes países enviam para os oceanos significaria um decréscimo global de 45% de plástico nos mares globais. Isto poderia ser feito com medidas como o encerramento de pontos de vazamento dentro de o sistema de recolha, aumentar as taxas de reciclagem, utilizar várias tecnologias para tratar o lixo ou separar manualmente o plástico valioso.

Denominado “Stemming the tide: land-based strategies for a plastic-free ocean”, o relatório baseou-se numa “investigação exaustiva” que descobriu que mais de 80% do plástico que existe nos oceanos provém da terra e não de fontes ligadas às actividades pesqueiras. Destes 80%, três quartos provém de resíduos não recolhidos e outra parte das falhas dos próprios sistemas de gestão de resíduos.

Leia o relatório (tem de se registar no site da McKinsey).

Se a actual taxa de envio de plástico para os oceanos continuar, teremos 250 milhões de toneladas métricas deste resíduo em 2025. Ou seja, uma tonelada de plástico para cada três toneladas de peixe.

Foto: Day Donaldson / Creative Commons

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php