Câmara de Guimarães vai ensinar crianças a andar de bicicleta em segurança

Guimarães vai aprender a pedalar

A Câmara Municipal de Guimarães deu início ao programa EducaBicla, destinado a 1500 alunos de turmas do 6º ano de escolaridade do concelho e que tem o objectivo de ensinar os jovens a andar de bicicleta cumprindo as regras de segurança. O projecto, cuja sessão pública de apresentação decorreu ontem, visa também sensibilizar a comunidade estudantil para a adopção de comportamentos amigos do ambiente.

Realizado em parceria com a empresa vimaranense Get Green, a iniciativa funcionará em todas as escolas de Guimarães, englobando os 14 agrupamentos de escolas e os Colégios do Ave e Nossa Senhora da Conceição, estando igualmente presente em várias freguesias do concelho, aos sábados, com os alunos a poderem levar os familiares e amigos em sessões públicas onde toda a comunidade é convidada a participar num projecto de aprendizagem, com uma componente educativa e pedagógica.

Cada acção contempla uma vertente teórica, abordando os principais benefícios da utilização da bicicleta como meio de transporte, bem como regras e sinais de trânsito para uma condução segura. Haverá ainda uma componente de mecânica na óptica do utilizador e uma formação prática, com um percurso devidamente sinalizado, onde os alunos poderão pedalar e testar os conhecimentos. No final de cada acção, o participante recebe o Cartão de Ciclista Urbano, como reconhecimento da aprendizagem e objecto que o faça lembrar de todos os cuidados a ter enquanto pedala.

Ecovia como aposta na mobilidade ciclável

“Temos o objectivo de sermos Capital Verde Europeia e um dos pressupostos fundamentais é a Mobilidade (suaves e alternativas). Dentro deste desígnio, que estamos a trabalhar com muito entusiasmo, a mobilidade ciclável é uma questão pertinente. Por isso, estamos a investir num projecto muito ambicioso como é a Ecovia que, quando estiver concluída, vai atravessar a cidade e ligará várias freguesias numa extensão de 52 quilómetros”, referiu Amadeu Portilha, Vice-Presidente na Autarquia, na apresentação pública do programa.

O EducaBicla, juntamente com outras estratégias da autarquia, designadamente, a criação de mais Zonas 30, tem também como finalidade sensibilizar e envolver os cidadãos para os modos activos e hábitos sustentáveis, utilizando a bicicleta de forma segura e responsável. “Estamos a fazer um trabalho comunitário nas escolas e nas freguesias, promovendo o uso da bicicleta e levando a sensibilização à comunidade escolar, por vezes mais disponível e aberta a esta problemática”, concluiu o vereador do Município com competências delegadas na área do ambiente.

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php