Escola Electrão já tem 150.000 alunos inscritos

EscolaElectrao_SAPO

Cerca de cento e cinquenta mil alunos já estão inscritos na Escola Electrão, iniciativa que desafia as escolas ao encaminhamento adequado dos Resíduos Eléctricos e Electrónicos (REEE) e Resíduos de Pilhas e Acumuladores (RPA) para a Rede Electrão. As escolas interessadas em participar têm até 18 de Janeiro para se inscrever, e devem reunir o máximo destes resíduos nos primeiros três meses de 2016, para vencerem prémios num valor total superior a €33.000.

A Escola Electrão é uma campanha da Amb3E que pretende sensibilizar e envolver os professores, alunos, funcionários, pais e comunidade em geral, para a importância da reciclagem dos REEE e RPA. Tem o apoio da Direcção-Geral da Educação e da Agência Portuguesa do Ambiente (APA), destinada, essencialmente, às escolas do Ensino Básico (2º e 3º Ciclos) e do Ensino Secundário,

“Estamos muito satisfeitos pelo interesse que as escolas têm demonstrado em contribuir para um ambiente e uma economia mais saudáveis, através do correcto encaminhamento destes resíduos. O facto de vermos cada vez mais jovens a quererem participar mostra-nos que devemos continuar a sensibilizar a população para esta temática, incentivando a adopção de comportamentos mais sustentáveis. Por isso mesmo, e em articulação com os nossos parceiros institucionais, estamos a alargar o prazo de inscrições até 18 de Janeiro”, explicou em comunicado Pedro Nazareth, director-geral da Amb3E, associação que gere a Rede Electrão e é responsável pela Escola Electrão.

O projecto nasceu em 2008 e já contou com quatro edições, nas quais foram recolhidas cerca de 5.000 toneladas de resíduos. A iniciativa regressou este ano com novos desafios e prémios mais atractivos: a escola que reúna mais resíduos será premiada com €10.000. As escolas que reunirem mais lâmpadas e pilhas podem receber até €2.000. Haverá ainda dois prémios per capita de €1.500 e de €1.000, bem como um prémio para a vencedora de cada distrito, de €750 e uma bonificação para as escolas participantes que reúnam pelo menos uma tonelada de REEE/RPA.

Outra novidade desta edição é um prémio de sensibilização ambiental, que pretende destacar os projectos de educação ambiental que representem um benefício para a comunidade onde a escola aderente esteja inserida. Os projectos submetidos devem incluir a produção de um vídeo, complementado com um manifesto escrito, que demonstre, de forma apelativa e original, como implementar uma acção de sensibilização, recolha e encaminhamento adequado dos REEE e/ou RPA.

As recolhas de resíduos nas escolas irão decorrer entre Janeiro e Março de 2016, e as escolas vencedoras serão anunciadas em Junho. Esta campanha pode ser realizada em simultâneo com outros projectos no âmbito da sustentabilidade.

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php