lâmpada

Preferir lâmpadas com a máxima eficiência energética e ajustar a temperatura de cor das luzes à divisão, são algumas das mudanças que podem ter um impacto significativo na factura mensal da electricidade.

Tanto nas lâmpadas fluorescentes compactas como nas LED, já é possível saber qual a temperatura de cor, uma característica medida em graus Kelvin. Esta informação já aparece nas embalagens e, pode ser uma ajuda preciosa, na altura de adequar a iluminação às reais necessidades de cada divisão das nossas casas.

O Minuto Verde é uma rubrica produzida pela Quercus e emitida aos dias úteis na RTP.

Foto: Zapalgo / Creative Commons

 

 

 

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta