Casar em Yosemite

O casamento é, por hábito, uma festa familiar. Mas não para este casal, que decidiu dar o nó no topo de um rochedo no Parque Natural de Yosemite, na Califórnia, arriscando a vida para lá chegar.

Para chegar ao rochedo, o casal fez o chamado “atravessamento tirolês”, um movimento apenas ao alcance dos mais experientes escaladores e que deu a este casal o título de “casamento mais extremo” do mundo – casar debaixo de água pode parecer radical, mas se olhar bem para as fotos abaixo vai perceber que estes 900 metros não são brincadeira.

Na verdade, este casamento em plena natureza tem um lado mais informal: não há convidados, pelo que não há grande razão para nervosismos.

As fotografias do enlace ficaram a cargo de Bem Horton, que seguiu o casal em todo o percurso. “Estava com um pouco de pressa em tirar as fotos. Apesar de já fotografar em altura há algum tempo, a emoção de estar numa corda, a 900 metros de altitude, nunca vai embora”, explicou Horton.

Deixar uma resposta