Vamos jogar aos Insectos em Ordem nas Escolas?

O que são insectos? Como se identificam? Quais as características das ordens mais importantes? Que serviços de ecossistemas desempenham? Qual o ciclo de vida de algumas das espécies comuns que podemos observar em Portugal? Estas e muitas outras questões são exploradas no novo jogo “Insectos em Ordem”, uma iniciativa de divulgação científica que quer contribuir para a transmissão do conhecimento e aprendizagem de forma lúdica e divertida.

O jogo foi concebido para a realização de aulas práticas sobre a diversidade e conservação de insectos, especialmente adequado aos programas curriculares do 5º, 8º e 11º ano. É um jogo de tabuleiro para um máximo de quatro jogadores ou equipas, que mistura influências de jogos tradicionais como o Bingo, Monopólio, jogo da Glória ou Trivial Pursuit.

Os jogos serão enviados para as escolas após a inscrição no site da iniciativa. Depois da realização de cada actividade, os professores deverão responder a um questionário de avaliação da iniciativa e motivação dos alunos, disponibilizado também na Internet. Os resultados dos questionários deste ano lectivo serão depois objecto de investigação por parte de alunos da Universidade de Lisboa.

A autoria do jogo é das investigadoras Patrícia Garcia-Pereira (cE3c) e Eva Monteiro (Tagis), a partir da exposição Insectos em Ordem. Foi desenvolvido pelo cE3c – Centro de Ecologia, Evolução e Alterações Ambientais, o Museu Nacional de História Natural e da Ciência, e a associação Tagis – Centro de Conservação das Borboletas de Portugal, no âmbito de “O Mundo na Escola”, um programa de divulgação de ciência nas escolas do Ministério da Educação e Ciência (2012/15), com financiamento da Ciência Viva e da Fundação para a Ciência e a Tecnologia.

Foto: Patrícia Garcia-Pereira

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php