Como o cheiro de uma flor devolveu o sorriso perdido a uma japonesa

O melhor esposo do mundo?

O casal Kuroki passou uma vida feliz em Shintomi, na região de Miyazaji, no Japão rural, fazendo da agricultura a sua profissão e criando dois filhos. No entanto, tudo mudou quando a senhora Kuroki perdeu a sua visão, aos 52 anos, depois de complicações derivadas da diabetes, que a levaram a ficar deprimida e afastada do resto da família, isolando-se em sua casa.

Durante algum tempo, o senhor Kuroki, tentou animar a sua esposa, sem resultado. Até que um dia, ao olhar para uma flor shibazakura cor-de-rosa no seu jardim, percebeu que a flor não só é bela como cheira bem. E, se criasse um campo enorme de shibazakuras, a sua esposa poderia não só cheirá-las como falar com as pessoas que fossem atraídas àquele local e voltaria a ter um sorriso na cara.

Durante dois anos, Kuroki seguiu este plano à risca, transformando a sua casa num mar de rosa. Agora, mais de uma década depois de as primeiras sementes terem sido plantadas, o campo de flores atrai cerca de 7.000 pessoas por dia de finais de Março até ao final de Abril. E a senhora Kuroki, finalmente, pôde voltar a sorrir.

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php