38 milhões de pedaços de lixo encontrados em ilha do Pacífico

ilha lixo

38 milhões de pedaços de lixo: é este o gigantesco e assustador número de pedaços de plástico encontrado por cientistas numa pequena ilha deserta do Pacífico.

Com pouco mais de 3700 hectares, a ilha Henderson pertencente ao grupo das ilhas Pitcairn, território britânico ultramarino, e se até há pouco tempo era um paraíso para a biodiversidade, neste momento é a imagem aposta. Brinquedos de plástico, escovas de dentes e artigos de higiene, capacetes, garrafas… a lista de produtos, na esmagadora maioria de plástico, é imensa.

A equipa de cientistas que encontrou esta triste realidade em pleno Pacífico deixa um alerta no relatório publicado agora na revista “Proceedings of the National Academy of Sciences”: a ilha de Henderson, apesar do seu reduzido tamanho, tem a mais elevada densidade de lixo alguma vez registada.

Património mundial da Unesco, esta ilha “paradisíaca” perdida algures no Pacífico é agora o espelho de um problema ambiental que dia após dia ganha novos contornos, com os resíduos plásticos a poluírem os oceanos a um ritmo alucinante.

Foto: Jennifer Lavers

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php