Um serviço de chá de papel?

Um livro nunca deve ser deitado fora – há sempre que o possa ler pela primeira vez – mas, mesmo que esteja em mau estado e ilegível, há quem o consiga transformar noutro objecto. É o caso de Cecilia Levy, uma artesã sueca que pega nos livros e cadernos de banda desenhada em mau estado e transforma-os em chávenas, copos, pires, pratos e tigelas.

Cecilia, que curiosamente já foi encadernadora, tem agora uma abordagem inversa à literatura. Ela arranca as páginas e une-as noutra forma. Para os amantes de livros este projecto pode ser um sacrilégio, mas mesmo esses não deixarão de admitir que o resultado final deste processo é interessante – mesmo que não seja especialmente prático.

A artesã sueca começou a trabalhar com objectos de papel em 3D em 2009 e, desde então, já criou uma multiplicidade de artigos. E vai continuá-lo a fazer, na esperança que as histórias neles representadas possam continuar numa forma única e nova.

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta