Já viu um mercado flutuante?

O mercado de Lok Baintan, no Bornéu do Sul, Indonésia, tem uma particularidade rara: encontra-se situado num rio. Ao longo do espaço, clientes, comerciantes e fornecedores utilizam os barcos para negociar, imagens surreais que foram partilhadas recentemente por Fauzan Maududdin, fotógrafo que quis dar a conhecer o dia-a-dia destas pessoas.

No final do dia, os negociantes e consumidores remam de volta para casa ou recebem boleia de um barco maior, que pode rebocar até 20 embarcações mais pequenas através de uma corrente.

“Os barcos pequenos chamam-se juking e são usados, tradicionalmente, para remar. Se eles forem para um local longe de casa, normalmente pagam a pessoas para os rebocar num kelotok, um barco maior. Esta cena é muito vista no mercado flutuante”, explicou o fotógrafo.

“Não me surpreende ver um barco maior a puxar 20 barcos pequenos. Os barcos mais pequenos trazem frutas, alimentos, peixes e vegetais e, por vezes, trocam a boleia por preços mais reduzidos pelos seus produtos”, concluiu.

Deixar uma resposta