Impressão 3D ao serviço dos animais

Um fogo florestal queimou a carapaça da tartaruga Freddy, no Brasil, e as suas hipóteses de sobrevivência eram diminutas quando uma equipa liderada pelo designer Cicero Moraes, voluntário pelos direitos dos animais, tomou contacto com o animal. Conhecido como Animal Avengers – “Vingadores de animais”, em português – o grupo criou uma carapaça em 3D que acabou por salvar o animal.

“O Freddy é a primeira tartaruga do mundo a receber uma carapaça reconstruída totalmente e a primeira criatura que o nosso grupo, recém-formado, decidiu ajudar”, explicou Cicero, que desenhou a carapaça numa imagem computacional que teve como base várias fotografias que ele próprio tirou de Freddy.

Depois, ele enviou o design ao cirurgião dentista Paulo Miamoto, que o transformou em realidade através de uma impressora 3D. Hoje, Freddy é uma tartaruga como outra qualquer e viverá, certamente, mais umas longas dezenas de anos.

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta