A gruta do Rei Artur

 

O atelier de arquitectura Miller Kendrick tem sede em Londres e dedica-se a novos métodos de construção sustentável, e a baixo custo. Um dos seus projectos mais recentes foi a “Arthur’s Cave”, um projecto inspirado na lenda do Rei Artur, que a empresa levou a concurso no festival “Wales’ Year of Legends 2017”. Designers de todo o mundo foram convidados para construir mini-hotéis pop-up como parte de uma iniciativa para impulsionar o turismo do País de Gales. E a “Arthur’s Cave” foi um dos projectos vencedores.

Nome e design foram buscar inspiração às lendas antigas do País de Gales (diz-se que o rei e seus cavaleiros terão procurado refúgio numa pequena gruta na área de Castell y Bere, onde este ‘quarto móvel’ foi temporariamente instalado), mas utiliza técnicas modernas de construção. A estrutura é uma combinação de madeira compensada e painéis de revestimento, que actuam em conjunto para formar uma estrutura compósita. No interior, esta madeira compensada funciona como estrutura, acabamento, e até em acessórios, incluindo uma pia e banheira de madeira compensada. Por sua vez, o exterior facetado é revestido por placas de pinheiro larício galês tingidas de preto, com isolamento de lã de ovelha. Tudo matérias-primas locais. Como sistema de aquecimento, a cabana usa um pequeno fogão a lenha. A iluminação LED é alimentada por energia fotovoltaica e possui um WC de auto-compostagem.

A “Arthur’s Cave” tem capacidade para duas pessoas e as reservas podem ser feitas no site da Epic Retreats.

Foto: Miller Kendrick

Deixar uma resposta