Há mar e mar, há ir e voltar… se a t-shirt não mudar! Sinal dos tempos, a velho slogan já podia receber um pequeno update, porque esta t-shirt responde à poluição da água, mudando de cor.

A ideia nasceu da parceria entre a The Lost Explorer e a The Unseen, duas marcas de lifestyle britânicas, e a sua realização é muito simples: tinge-se uma t-shit branca de uma forma absolutamente natural, utilizando apenas couves roxas. A couve roxa é rica num pigmento que reage ao pH da água, apresentando um espectro de cores que vão desde o azul esverdado ao rosa vermelho. Assim, violeta significa que o pH é neutro, mas quanto mais azul e azul esverdeado ficar, mais alcalina será a água. Pelo contrário, se apontar para o rosa e rosa avermelhado, então é porque o pH é ácido. Quanto mais perto ficar dos extremos, mais perigosos serão os níveis para a saúde.

t shirt unseen

O nível de pH da água não é geralmente a primeira coisa em que pensamos quando falámos de poluição de água, mas, como referem as duas marcas, é um excelente indicador porque o dióxido de carbono que expelimos para a atmosfera, as chuvas ácidas ou os derramamentos de óleos e detergentes, todos contribuem para tornar a água mais ácida ou alcalina. “Assim, as t-shirts, ao mudarem de cor, são uma excelente forma de perceber a qualidade da água.” No mar, no rio ou na banheira. À venda online

Deixar uma resposta