A Vanmoof não faz só bicicletas extremamente bonitas, em versão normal e eléctrica. Garante também que estas não serão roubadas. Se o forem, a empresa vai atrás delas. Mas caso essa devolução não aconteça, dá bicicletas novas aos seus clientes. Faz tudo parte de um programa chamado “Peace of Mind Guarantee”. Uma garantia de paz de espírito que, convenhamos, torna tudo menos stressante.

As bicicletas deviam e vão ter um papel crescente na mobilidade urbana. Infelizmente, também, são um alvo preferencial para os ladrões, que actuam em todas as cidades do mundo. Ora esta empresa holandesa, que diz ter criado a “primeira bicicleta inteligente” do mundo, incorpora uma série de tecnologias à prova de ladrão: parafusos e porcas anti-roubo a proteger as partes mais assaltadas, cadeado integrado inteligente, que funciona com o telemóvel, e um localizador GSM e Bluetooth, para que se mesmo assim ela for roubada, seja fácil de recuperar. A marca tem inclusive equipas – baseadas em Amesterdão, Paris e Nova Iorque – encarregadas dessas recuperações. Que vão atrás da sua bicicleta onde quer que a encontrem no mundo.

vanmoof2

São estas equipas que ao longo do seu trabalho se foram apercebendo de alguns padrões e tendências que estavam a surgir no roubo de bicicletas. Normalmente, conseguem localizar a bicicleta na mesma cidade, mas por vezes estas desaparecem por mais tempo, surgindo depois em países como a Argélia ou Marrocos, para onde são transportadas por grupos de crime organizado. E agora estão a colaborar com as autoridades policiais para os informar dessas tendências para que assim possam lutar mais eficazmente contra este comércio ilegal de bicicletas. Não só das Vanmoof, mas de todas as marcas.

Deixar uma resposta