Ilha do Príncipe

Poucos destinos são tão selvagens e genuínos como a Ilha do Príncipe, a mais pequena das duas ilhas que constituem São Tomé e Príncipe. Classificada como Reserva Mundial da Biosfera pela UNESCO em 2012, esta ilha com apenas 7 mil habitantes é um pequeno ponto verde perdido no azul profundo do Golfo da Guiné.

Nos últimos anos, a ilha tem vindo a ganhar atenção mundial graças ao projecto de ecoturismo e turismo sustentável exemplar levado a cabo pelo milionário sul-africano Mark Shuttleworth, através do grupo HBD, criando riqueza sem destruir a natureza e reduzindo a dependência da importação.

O filme “Eu Sou Príncipe”, que há dias foi galardoado no Deauville Green Awards – festival internacional de produções audiovisuais que premeia projectos sobre sustentabilidade, eco-inovações e responsabilidade social – como o melhor na categoria “Eco-tourism and responsible travel”, é um excelente testemunho desse trabalho e da impressionante beleza natural da ilha, acompanhando o quotidiano da engenheira agrónoma Francesca Orlandi e do chef Leonardo Pereira envolvidos num projecto do grupo HBD que visa a preservação da floresta e uma produção integrada do cacau e de outras culturas agro-florestais. Vale a pena ver:

 

Produtor: Pedro Canavilhas
Director de Fotografia: Leandro Ferrão 
Imagens aéreas: Pedro Canavilhas
Som: Dinis Costa
Editor: Miguel Cilindro Figueiredo

Deixar uma resposta