Torre Hawthorn

O gabinete de arquitectura Stefano Boeri Architetti não para de surpreender o mundo com os seus projectos para cidades verdes. Depois da Vertical Forest, em Milão, e da Forest City, encomendada pelo município de Liuzhou, na província de Guangxi, no sul da China, é a vez desta empresa, sediado em Milão, anunciar a sua candidatura vencedora para a primeira “floresta vertical” na Holanda.

A torre fica situada na cidade de Utrecht e, tal como sua congénere italiana, será coberta de vegetação, esperando-se que absorva mais de 5,4 toneladas de dióxido de carbono. O equivalente a um hectare de madeiras será instalado na torre para criar um ecossistema urbano real com mais de 10 mil plantas de 30 espécies diferentes: 360 árvores, 9,640 arbustos e flores, instalados em todos os lados da fachada.

UTRECHT

Com o início da construção agendado para 2019, a torre vai levar um pulmão verdejante à área de Jaarbeursboulevard, perto da estação desta cidade holandesa. Hawthorn será um dos dois edifícios previstos para a área em processo de revitalização – o segundo foi projectado pelo estúdio MVSA de Amesterdão.  

E porque esta parece uma moda que veio para ficar, espera-se para breve o anuncio de novos projectos de florestas verticais em Nanjing, Paris, Lausanne e Xangai. A construção da Hawthorn Tower deverá terminar em 2022.

Fotos: Stefano Boeri Architetti

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta