Onda de calor impede cavalos vienenses de sair à rua

Cavalos de Viena

Em Maio de 2016, a cidade de Viena adoptou um conjunto de medidas para protecção dos cavalos utilizados nos célebres passeios de Fiaker (como a charrete é chamada em Viena), pelo centro da cidade. As recentes alterações à Lei Fiaker também levam em conta os efeitos das mudanças climáticas, estipulando que os cavalos de transporte não devem sair à rua em com temperaturas acima de 35 graus Celsius, o que até agora nunca tinha acontecido.

Esta terça-feira (1 de Agosto), as temperaturas excederam os 36ºC, e face à onda de calor que se faz sentir na capital austríaca, os cavalos receberam, pela primeira vez, ordem oficial para não saírem à rua. Ao abrigo do novo regulamento, os 250 cocheiros dos 375 cavalos em serviço em Viena foram convidados a parar de trabalhar durante o dia e abrigar os seus animais no fresco das cavalariças.

No ano passado, quando a medida foi adoptada, Ulli Sima, Conselheira Executiva de Viena para o Ambiente e o Bem-Estar dos Animais, referia que “já implementámos inúmeras medidas no interesse dos cavalos da Fiaker nos últimos anos. Tem que ficar protegidos do sol enquanto esperam, e seu horário de trabalho foi reduzido. A presente alteração ao Fiaker Act é trazer novas melhorias ao bem-estar dos animais, especialmente nos dias quentes de verão”. Como agora acontece.

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php