Bolívia celebra o dia sem carros e reduz poluição quase a zero

bolivia

O “Dia Mundial sem Carros” é uma data celebrada em todo o mundo a 22 de Setembro. Mas na Bolívia, desde 2011, que o “Dia Nacional do Peão e do Ciclista” acontece no primeiro domingo do mês de Setembro. A ideia é incentivar a troca de carros individuais pelos meios mais saudáveis que podem existir: a caminhada e a bicicleta. É que, nos últimos 10 anos, à medida que a classe média da Bolívia cresceu, o número de carros que circulam nas ruas das cidades, também aumentou exponencialmente. A par de níveis de poluição insuportáveis, postos à prova neste dia.

Assim, no passado dia 3, os habitantes de cidades como La Paz e Santa Cruz aproveitaram para caminhar pelas ruas, passear com as famílias e fazer desporto. As autarquias locais organizaram corridas de pedestres, jogos de rua e concertos e, em alguns locais foram até instalados pontos ecológicos em vários pontos para que as pessoas aprendessem mais sobre actividades amigas do ambiente como a reciclagem. Na capital La Paz, por exemplo, o único sistema de transporte a funcionar foi a maior rede de teleférico urbano do mundo, tendo sido excepcionalmente permitido aos ciclistas levar suas bicicletas nas mais de 400 cabines do popular “Mi Teleférico”.

De acordo com o presidente da câmara da cidade de La Paz, no dia sem carros a poluição do ar diminui em cerca de 90%, o que pode dar uma ideia do número de viaturas que habitualmente circulam nesta grande metrópole.

Este evento teve a primeira edição há 18 anos em Cochabamba, uma das cinco cidades mais poluídas da América Latina, e gradualmente estendeu-se a todo o país. Até que, em 2011, tornou-se tão popular que o governo da Bolívia declarou uma data oficial a nível nacional para o “Dia do Peão e Ciclista em Defesa da Mãe Terra”.

Porta-voz do governo referiu a propósito deste dia, que país quer recuperar a actividade física da população e combater o excesso de tempo que os jovens passam em frente ao computador. Da mesma forma, a promoção da utilização de bicicletas e construção de ciclovias é uma prioridade, como refere uma reportagem publicada no The Guardian

Foto: Gobierno Autónomo Departamental de Cochabamba

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php