pentatonic

Não compre mais mobília para a sua casa até visitar o site da Pentatonic. Esta start-up, fundada por Jamie Hall, um ex-director de marketing da Levi’s no Reino Unido, e Johann Boedecker, um jovem empreendedor de origem alemã, criou uma nova linha de mobília moderna, modular e sustentável.

Utilizando o lixo produzido pela nossa sociedade, a empresa decidiu mostrar que é possível criar produtos de altíssima qualidade com materiais exclusivamente reciclados, e em larga escala. Mas, ao contrário de outras marcas similares, o compromisso da Pentatonic vai além da simples reciclagem.

Trabalhando com um processo de moldagem por injecção para transformar resíduos “seleccionamos o lixo com base nas suas propriedades e possibilidades de aplicação, e de acordo com o produto, acabamento ou performance que queremos criar”, explicaram os responsável à Dezeen.  Depois, mesas e cadeiras são projectadas para ser montadas sem ser necessário recorrer a ferramentas – em vez disso, os próprios componentes ajudam à montagem de cada peça. Isso significa que os resíduos são minimizados, e não são necessários colas ou resinas tóxicas.

A colecção é composta por cadeiras e mesas modulares, com peças intercambiáveis. E também produtos de vidro feitos a partir de smartphones. No site pode encontrar uma listagem de todo o lixo utilizado na produção de cada peça. Por exemplo: para produzir uma cadeira AirTool com assento de feltro são necessárias 81 garrafas de plástico e 22.7 latas de alumínio, juntamente com 81 recipientes de alimentos antigos e partes de solas de sapato. Por sua vez, para produzir uma mesa, são usadas 1130 latas de alumínio e 187 CDs ou DVDs e 164 embalagens de alimentos. A maior parte (90%) do lixo usado como matéria-prima vem de Londres e Berlim, onde ficam os escritórios da marca. O restante vem de Taiwan, responsável pela maior concentração de restos de vidros de smartphones do mundo.

Mas não é tudo. A empresa também trabalha num sistema de “economia circular”. O que quer isto dizer? Que os clientes podem vender peças dos móveis à Pentatonic, para que possam ser reciclados e reintroduzidos na cadeia.

“Estamos tentando transformar radicalmente a cultura de consumo com Pentatonic”, disse Hall. “Nosso modelo circular, que permite comprarmos de volta os nossos produtos aos nossos clientes para reciclá-los em novos produtos – é algo de novo no design”. Como referem no site, “com criatividade, cada incarnação pode ser melhor do que a última – e com menos impacto. O lixo não tem que acabar na Terra, o meio ambiente não é destruído com a extracção de mais recursos e os produtos reciclados têm uma pegada de carbono mais baixa do que os materiais virgens”.

Os produtos estão disponíveis para compra online. Veja aqui o vídeo de divulgação deste projecto cujo lançamento está marcado para o London Design Festival, de 16 a 24 de Setembro.

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php