Massa gigante de resíduos está a entupir os esgotos de Londres

Gordura, fraldas, toalhitas, óleo congelado e outros resíduos humanos, com perto de 130 toneladas, formaram uma gigante bola que está a entupir os esgotos de Londres, na zona de Whitechapel. Os trabalhos de remoção desta imensa massa começam agora e as estimativas indicam que os trabalhos demorarão mais de três semanas, com muita mão-de-obra e maquinaria.

Com perto de 260 metros de comprimento, o equivalente a dois estádios de futebol, a gigante massa está a provocar o entupimento de todo o sistema de esgotos naquela zona da capital inglesa.

“É um grande monstro e vai ser necessária muita mão-de-obra e maquinaria para a remover porque é dura”, declarou Matt Rimmer, director do departamento de rede de resíduos da empresa Thames Water, ao The Telegraph.

Para levar a cabo esta operação de limpeza serão necessárias mangueiras de alta pressão, na esperança que estas sejam suficientemente fortes para destruir a massa de resíduos, já que “é basicamente como tentar partir uma parede de cimento”, conta Matt Rimmer. O passo seguinte será levar os pedaços desta gigante massa para Stratford, para uma adequada reciclagem.

Mas como explicar a formação de tão gigante massa em plena cidade de Londres? A resposta passa pelos fracos, ou mesmo inexistentes, hábitos de reciclagem dos habitantes locais. “É frustrante porque estas situações são totalmente evitáveis e provocadas pela gordura, óleo e banha que são deitados nos lavatórios e pelas toalhitas deitadas pelas sanitas abaixo”, alerta Rimmer.

Por mês a empresa Thames Water gasta perto de um milhão de libras para limpar os bloqueios de esgotos que surgem um pouco por toda a cidade. Esta situação surge como consequência da não separação para reciclagem, ou na maioria dos casos a colocação de produtos como preservativos, cotonetes, fraldas, toalhitas, gordura e óleo directamente na sanita ou lava-loiça.

Foto: 

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php