6 utilizações que os romanos davam às fezes e urina

O Império Romano foi uma das mais fortes potências económicas, políticas e militares da História, tendo desempenhado um papel fulcral na construção do mundo contemporâneo, apesar do seu desaparecimento ter ocorrido há 1.600 anos – Constantinopla cairia um milénio depois.

Tendo sido uma das civilizações históricas que mais inovou, os antigos romanos eram conhecidos pela sua utilização dos resíduos. Incluindo, como explica o Mental Floss, os seus próprios. Assim, a urina e as fezes humanas eram utilizadas no dia-a-dia dos romanos em pelo menos seis formas diferentes. Conheça quais.

1.Branquear os dentes

Depois de algum tempo, a urina decompõe-se em amónia, um produto de limpeza que retira facilmente as nódoas. Assim, segundo o autor romano Catullus, as pessoas utilizavam urina humana e dos animais para branquear os seus dentes.

2.Cultivar frutos

A urina tem ainda nitrogénio e fósforo, bastante úteis para cultivar plantas. Segundo o autor Columella, a urina humana era particularmente útil para fazer crescer, de forma mais rápida, as romãs, tornando-as mais sumarentas e saborosas.

3.Limpar as togas

A amónia presente na urina era também utilizada para limpar as togas, num local conhecido como fullo. Aqui, vários homens saltavam em cima das togas em piscinas cheias de urina, uma espécie de máquina de lavar da antiguidade.

4.Curar animais feridos

O autor romano Columella sugere que a urina humana era também utilizada por propósitos veterinários, ajudando a curar feridas de carneiros ou abelhas.

5.Curtir peles

Os romanos utilizavam urina e fezes de cães – e por vezes humanas – para curtirem as peles. Um banho de urina ajudava a retirar o pelo, enquanto os enzimas das bactérias amaciavam-nas.

6.Fertilizar os campos

Os fertilizantes feitos de fezes humanas ajudavam as plantas a crescer – mas também a espalhar doenças. Eles eram também usados nos jardins – as fezes humanas eram comercializadas e recolhidas pelos stercorarii.

Foto: Kristian Mollenborg / Creative Commons

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php