Tsingy de Bemaraha, Madagáscar

Com 3,8 quilómetros de extensão, esta paisagem de calcário polvilhada por florestas é uma das mais belas do Parque Nacional Tsingy de Bemaraha, em Madagáscar, que, já por si, é considerado Património Mundial pela Unesco.

O local é habitado por 11 espécies diferentes de lémures e as montanhas afiadas, com pontes de rocha e quedas de 90 metros, são um desafio muito complexo. Mesmo para os exploradores mais experientes.

Em Tsingy – que significa “onde ninguém pode andar descalço” – é proibido ter medo de alturas. A chuva dos períodos de Monções, inundações e vento foram responsáveis pela forma como a rocha está esculpida.

Os menos aventureiros têm à disposição rotas mais fáceis de percorrer, caminhos e pontes que permitem aos visitantes apreciarem a paisagem em segurança. A paisagem, como pode ver, é deslumbrante.

Deixar uma resposta