Como pode a moda, sector que tantas vezes aparece nos meios de comunicação por práticas ambientais e sociais duvidosas, tornar-se mais sustentável? A H&M pensa ter encontrado uma resposta ao apostar, desde 2013, no reaproveitamento de têxteis que são deitados fora.

Na nova campanha “Brint it on”, a marca lança um apelo aos consumidores: para entregarem nas lojas H&M peças de roupa já usadas, para que estas possam ganhar nova vida como peças originais, com 20 a 30% de fibras recicladas na sua composição. Um detalhe importante desta acção: nas lojas podem ser entregues peças de roupa mais ou menos novas e de qualquer marca. O fundamental é a peça de roupa em si.

Os lucros obtidos com esta nova campanha serão, de acordo com a marca, entregues a organizações sociais e servirão igualmente para aprofundar investigações na área da reciclagem de materiais.

Com uma aposta cada vez mais presente em práticas sustentáveis na indústria da moda, a H&M tem vindo a criar com mais frequência colecções feitas de matérias sustentáveis, caso da Counscious.

Foto: via Creative Commons 

Deixar uma resposta