Empresas italianas criam rede de descontos para os colaboradores

Um grupo de empresas italianas lançou uma rede comunitária que oferece descontos aos seus colaboradores, em produtos que vão desde o café e outras bebidas aos medicamentos, serviços financeiros ou até tarifas de electricidade.

Lançada em Fevereiro, a rede chama-se “Empresas e Pessoas” e terá em breve 15 empresas associadas, num total de 200 mil colaboradores espalhados por toda a Itália.

De acordo com o Financial Times, a rede possibilitará descontos até 20% em vários produtos e serviços, levando os seus integrantes a pouparam várias centenas de euros por ano.

A rede de televisão Mediaset, a empresa de electricidade Edison, a editora De Agostini, o banco Intesa Sanpaolo, a Lavazza, a Martini, a farmacêutica Merck Serono ou os grupos de telecomunicações Wind e Telecom Itália são algumas das companhias que fazem parte desta rede – podendo os seus colaboradores garantirem os respectivos descontos até 20%.

“O projecto nasceu da austeridade”, explicou Alberto Perfumo, responsável pela consultora Eudaimon e, também, no último ano e meio, mentor deste projecto.

De acordo com Perfumo, o objectivo é aumentar o poder de compra dos colaboradores de uma determinada empresa. Agora, Perfumo quer angariar para a rede uma transportadora aérea, um fabricante automóvel e até partilhar serviços oferecidos por uma determinada empresa, como infantários.

Paralelamente, o projecto também ajuda as promover as próprias empresas, atraindo novos clientes. “É uma grande ideia, inovadora e que cria uma situação win-win ao aumentar o volume de vendas e a motivação dos colaboradores”, explicou por sua vez o reitor da Escola de Negócios do Politécnico de Milão, Andrea Sianesi.

Finalmente, Sianesi previu ainda uma rede similar, que una os concorrentes das marcas que integram o “Empresas e Pessoas”. E em Portugal, quando nascerá um projecto idêntico?

Deixar uma resposta

1 comment

  1. AS EMPRESAS PORTUGUESAS DEVERIA FAZER O MESMO.

Patrocinadores