Boyan Slat, jovem holandês de 22 anos, pretende limpar o plástico da área marinha conhecida como o “ Grande fosso de lixo do Pacífico”, que está a passar por algumas mudanças importantes.

Segundo Boyan Slat, criador da organização The Ocean Cleanup, a primeira fase do plano de limpeza estará em curso dentro de 12 meses. Este plano terá como objetivo instalar sistemas para a remoção de grandes quantidades de plástico presentes no oceano Pacífico. Os sistemas são projetados para flutuar na superfície, que vão aspirar a poluição e deslizar o plástico para fora da camada superior de água.

O projeto original de Slat envolvia amarrar um enorme sistema para coletar plástico no leito marinho – 4,5 quilómetros abaixo da superfície da água.