Se está a pensar pintar paredes interiores, há alguns detalhes a que deve dar especial atenção na altura da escolha das tintas.

Desde logo convém saber que as tintas de água emitem menos compostos orgânicos voláteis do que aquelas que usam solvente na sua base. Os solventes têm um elevado potencial tóxico para a saúde humana e também a nível ambiental, já que podem passar para as águas subterrâneas e migrar até para a rede de abastecimento público.

Mesmo as tintas de base aquosa não estão livres destes compostos, por isso o ideal será dar preferência às tintas com rótulo ecológico europeu, com emissões dez vezes menores às tintas convencionais.

O vídeo do Minuto Verde da Quercus deixa-nos aqui mais algumas dicas valiosas, para na próxima vez que for comprar tintas saber quais as mais adequadas.

O Minuto Verde é uma rubrica produzida pela Quercus e emitida aos dias úteis na RTP.