Angola quer atrair empresas portuguesas na área do ambiente

O vice-ministro angolano do Ambiente, Syanga Abílio, esteve esta semana em Lisboa para atrair empresas portuguesas do sector das tecnologias ambientais a participarem numa feira de Luanda que pretende promover a economia verde naquele País.

Segundo a imprensa, Abílio apelou aos “possíveis fornecedores de tecnologias ambientais” e aos “possíveis investidores” portugueses a visitarem a feira. O investimento seria feito em parceria com empresários angolanos. A Feira Internacional de Tecnologias Ambientais decorre em Luanda entre 30 de Maio e 2 de Junho.

O encontro entre o vice-ministro angolano e os empresários portugueses realizou-se num hotel de Lisboa e reuniu mais de 100 pessoas e 51 empresas portuguesas interessadas no mercado angolano das tecnologias ambientais.

“Angola é um país em crescimento e queremos crescer com as melhores práticas do ponto de vista ambiental”, explicou o governante, lembrando que estes temas estão na ordem do dia, numa altura em que “o mundo está engajado na conferência do Rio+20 [da ONU sobre desenvolvimento sustentável, no Rio de Janeiro], em que a economia verde é cada vez mais a aposta”.

As energias renováveis e as tecnologias limpas no ramo da agricultura são duas das áreas prioritárias para Angola. “A agricultura é uma aposta para o nosso Executivo”, admitiu Syanga Abílio, adiantando que o governo está “a criar condições para a economia verde”, pelo que esta poderá ser uma oportunidade.

Mas o interesse do Governo passa por todas as áreas, da indústria à prestação de serviços e mesmo ao comércio. “Não queremos importar produtos com embalagens que tenham danos ambientais, como os plásticos”.

Segundo a Lusa, a Águas de Portugal, a Agência Portuguesa de Ambiente, a Associação Portuguesa de Empresas de Tecnologias Ambientais, a Associação Portuguesa de Educação Ambiental, a associação ambientalista Quercus e a Sociedade Portuguesa para o Estudo das Aves são algumas das entidades que reuniram com o vice-ministro angolano do Ambiente.

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php