Dia Mundial dos Rios: as artérias do nosso Planeta estão em risco

O Dia Mundial dos Rios, comemorado anualmente no quarto domingo de setembro, foi criado em 2005 para complementar o lançamento da Water for Life Decade das Nações Unidas.
Neste dia celebram-se as linhas de água doce naturais de todo o mundo e destacam-se os valores dos rios, com o objetivo de promover a consciencialização pública e incentivar uma boa gestão, assim como a sua preservação.

Sendo a água doce a base da vida no planeta Terra, a sua escassez e o seu uso abusivo e inadequado constituem uma ameaça crescente ao desenvolvimento e à proteção do ambiente e da própria humanidade. A poluição é a principal responsável pela diminuição das reservas naturais de água doce na Terra, reservas essas que são fundamentais para toda a vida existente no planeta. Apenas com consciência do problema e com o envolvimento ativo de todos na procura de soluções é possível garantir a sua preservação nos próximos anos.​

Todos os anos são despejados na natureza cerca de 30 biliões de toneladas de resíduos e quem mais sofre com a poluição são os recursos hídricos, já que praticamente todas as formas de poluição acabam por afectar a água. A poluição é a principal responsável pela diminuição das reservas naturais de água doce do planeta Terra, reservas essas que são fundamentais para toda a vida existente no planeta.

Milhares de rios em todo o Mundo encontram-se em sérias dificuldades e sujeitos a ameaças, com o desenvolvimento industrial, a poluição humana e as alterações climáticas.

Segundo dados do Serviço de Monitorização das Alterações Climáticas Copernicus (C3S) – do Programa Copernicus da União Europeia – a 1 de junho de 2018 4,5% dos rios apresentavam um caudal anormalmente baixo, e a 20 de outubro do mesmo ano, já eram 35,9%, algo inédito desde há 30 anos.

A limpeza de rios e as atividades para crianças e para as comunidades, são algumas das iniciativas organizadas em todo o mundo neste dia, sendo incentivada a participação e organização de eventos por todos, e a sua partilha com a organização que criou este movimento anual.



Notícias relacionadas

Comentários estão fechados.